quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Deus opõe-se aos soberbos, .......Tia. 4:6.


A boa comunicação no casamento é como águas tranquilas de um riacho que atravessa um jardim. Ser “humildes na mente” desempenha um papel-chave em manter essas águas fluindo. (1 Ped. 3:8) “A humildade é o caminho mais rápido para resolver divergências porque o move a dizer: ‘Me desculpe’”, diz um irmão casado há 11 anos. O orgulho, no entanto, é tudo menos conciliador. Ele sufoca a comunicação porque elimina tanto o desejo como a coragem de pedir desculpas. Em vez de dizer humildemente “me desculpe; por favor me perdoe”, a pessoa orgulhosa procura se justificar. Em vez de corajosamente reconhecer uma fraqueza, ela aponta para as falhas da outra pessoa. Quando magoada, em vez de buscar a paz, ela se ofende e talvez retalie com palavras duras ou silêncio gélido. (Ecl. 7:9) De fato, o orgulho pode ser fatal para o casamento. w13 15/5 3:13, 14


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como é bom compartilharmos nosso estudo pessoal.
Sinta-se a vontade para comentar.