quarta-feira, 29 de junho de 2011

Consolo que podemos ter no Salmo 55

Alemanha


Salmos 55:1-23

Ao regente, em instrumentos de cordas. Masquil. De Davi.
1 Dá deveras ouvidos à minha oração, ó Deus;
E não te ocultes diante do meu pedido de favor.
2 Presta deveras atenção a mim e responde-me.
Sou impelido incansavelmente pela minha preocupação
E só posso mostrar desassossego,
3 Devido à voz do inimigo, por causa da pressão do iníquo.
Pois deixam cair sobre mim o que é prejudicial
E em ira eles me têm rancor.
4 Meu próprio coração está em severas dores dentro de mim,
E os horrores da própria morte caíram sobre mim.
5 Temor, sim, o próprio tremor me penetra,
E cobre-me um estremecimento.
6 E continuo a dizer: “Quem me dera ter asas como a pomba!
Eu sairia voando e ficaria residindo.
7 Eis que eu fugiria para longe;
Hospedar-me-ia no ermo. — Selá —
8 Eu me apressaria a um lugar de escape para mim
Do vento impetuoso, da tormenta.”
9 Confunde, ó Jeová, divide a sua língua,
Porque vi violência e disputa na cidade.
10 Dia e noite fazem a ronda sobre as suas muralhas;
E dentro dela há o que é prejudicial e a desgraça.
11 Dentro dela há adversidades;
E da sua praça pública não se afastaram a opressão e o engano.
12 Porque não foi um inimigo quem passou a vituperar-me;
Senão eu o poderia suportar.
Não foi alguém que me odeia intensamente que assumiu ares de grandeza contra mim;
Senão eu poderia esconder-me dele.
13 Mas foste tu, um homem mortal que era como meu igual,
Um que me era familiar e meu conhecido,
14 Porque costumávamos desfrutar juntos de doce intimidade;
Costumávamos andar para a casa de Deus com a multidão.
15 [Venham] sobre eles desolações!
Desçam vivos ao Seol;
Porque durante a sua residência como forasteiros houve neles coisas más.
16 Quanto a mim, clamarei a Deus;
E o próprio Jeová me salvará.
17 À noitinha e de manhã, bem como ao meio-dia, somente me preocupo e solto gemidos,
E ele ouve a minha voz.
18 Certamente remirá a minha alma [e lhe dará] paz da peleja contra mim,
Pois vieram a ser contra mim em multidões.
19 Deus ouvirá e lhes responderá,
Sim, Aquele que está sentado [entronizado] como no passado — Selá —
Aos com quem não há mudanças
E que não temeram a Deus.
20 Estendeu as suas mãos contra os que estão em paz com ele;
Profanou o seu pacto.
21 Mais macias do que a manteiga são [as palavras de] sua boca,
Mas o seu coração está disposto à peleja.
Suas palavras são mais suaves do que o óleo,
Mas são espadas desembainhadas.
22 Lança teu fardo sobre o próprio Jeová,
E ele mesmo te susterá.
Nunca permitirá que o justo seja abalado.
23 Mas tu mesmo, ó Deus, os farás descer ao poço mais baixo.
Quanto aos homens culpados de sangue e enganosos, não viverão metade dos seus dias.
Eu, porém, confiarei em ti.


Lembre-se das palavras de Davi registradas no Salmo 55:22: “Lança teu fardo sobre o próprio Jeová, e ele mesmo te susterá. Nunca permitirá que o justo seja abalado.” Quando Davi escreveu essas palavras, ele estava muito aflito. (Sal. 55:4) Acredita-se que esse salmo tenha sido escrito quando seu filho Absalão armou um plano para roubar-lhe o trono. O conselheiro em que Davi mais confiava, Aitofel, participou da conspiração. Davi teve de fugir de Jerusalém para não morrer. (2 Sam. 15:12-14) Mesmo nessas circunstâncias difíceis, Davi continuou a confiar em Deus, e não ficou desapontado.
 É vital que nós, assim como Davi, oremos a Jeová a respeito de quaisquer problemas que enfrentemos. Vamos analisar o que o apóstolo Paulo nos instou a fazer nesse respeito. (Leia Filipenses 4:6, 7.) Qual será o resultado de orações sinceras assim? ‘A paz de Deus, que excede todo pensamento, guardará nossos corações e nossas faculdades mentais por meio de Cristo Jesus.’
 Será que a oração vai mudar nossa situação? Talvez. Devemos ter em mente, porém, que Jeová nem sempre responde às nossas orações do modo como gostaríamos. Mesmo assim, a oração nos ajuda a manter o equilíbrio mental para que a nossa aflição não nos domine. “A paz de Deus” pode nos acalmar quando estamos angustiados com sentimentos aflitivos. Como tropas de soldados designados para proteger uma cidade contra a invasão do inimigo, “a paz de Deus” protegerá nosso coração e nossas faculdades mentais. Também nos ajudará a combater dúvidas, medos e pensamentos negativos, e a não reagir de maneira precipitada e insensata. — Sal. 145:18.

W08 15/03

6 comentários:

  1. É verdade Rose! Eu ontem quando fiz a leitura lembrei que já tinha lido este comentário em uma A Sentinela. Agora vou o postou.

    Isto a gente sente sempre quando um problema nos aflige ao ponto de tirar a nossa paz! Nem sempre Jeová o resolve da forma que em nosso pequenez achamos que seria a ideal, mas com certeza Ele sempre nos dá a paz mental necessária para suportar quaisquer que sejam as aflições.
    bjs pra você e pro Edelcio. Diz pra ele que qualquer dia a gente vende tudo e vai para Araras.

    ResponderExcluir
  2. É muito interessante como isto é mesmo verdade.
    Por maior que seja o nosso problema, após uma oração fervorosa feita com fé, conseguimos uma paz reconfortante.
    E sabermos que mesmo quando as coisas não se resolvem como esperamos, Jeová sabe o que é melhor para nós.
    Isto nos dá calma para enfrentar os problemas do dia a dia.
    Lindo texto e comentário.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Faço minhas as palavras do rei Davi nesse salmos passei por uma situação semelhante perdi meu pai assassinado e meus 11 irmãos tramaram contra mim por tempos perdi a paz e a razão mas Jeová me tirou do vale da loucura me restaurou a sanidade e hoje minha maior herança é saber que ele me adotou como filha isto sim que é uma bela herança. Eli birigui.

    ResponderExcluir






  4. Mais uma vez eu agradeço a Jeová por vir em meu socorro depois do susto que passei fiquei meia triste e sem forças para muita coisa queria voltar as minhas atividades rápido mas o corpo não obedece então hoje sábado eu fiquei triste pois gostaria de estar no campo com minhas companheiras de jornada apesar de estar preparando a sentinela para o estudo de domingo mesmo assim me senti inútil foi quando em oração disse a Jeová será que sempre será assim sozinha apesar de amigos de filhos será que não sirvo para nada mais nada? Nesse instante ouvi alguém me chamar eram 2 jovens publicadoras zelosas de 17 anos me disseram irmã ELI olha o que encontramos na rua fomos a duas casas mas as mulheres bateram a porta e disse que não eram delas veja esta com fome e se não for ajudada vai morrer acabou de nascer não posso levar para casa estou no campo mas meus pais não aceitariam pode cuidar dela ?quando vi a cadelinha tão pequena parecia um ratinho não pensei e disse vem pequena tomar um banho quentinho e um leitinho nesse instante a pequena dorme um sono tranquilo parece que diz estou em casa ,vendo isso percebi que Jeová FAZ O MESMO CONOSCO é que já estamos tão acostumados com esse acalento que as vezes não percebemos que também temos que ter esperança de que em breve tudo o que ele propôs se cumprirá ISAIAS 55.11 .E que todos nós também podemos viver em paz pois a própria boca de Jeová falou isso .


























    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom ouvir suas palavras querida irmã.
      que Jeová a abençoe e lembre-se nunca somos inúteis para Jeová. Jeová é um pai amoroso que não se esquece de nós jamais.
      Oro para que fique boa logo.
      Bjs
      Rose

      Excluir
  5. Obrigado irmã Rose a oração Tiago(5,16 b)diz que Jeová ouve a súplica do justo ela tem muita força tenho melhorado aos poucos muito medicamento médicos exames para descobrir a raiz do problema enquanto isso falo pouco para não cansar o que para mim é algo muito difícil já que fui feirante vendedora em lojas de calçados e agora estava devido a saúde afastada aproveitei para ser pioneira auxiliar mas abusei um pouco pois estava querendo alçar um voou mais alto (sou como águia gosto de ir longe)ser regular mas como certas águias fui obrigada a parar tudo e tomar uma decisão me renovar ou morrer logo me recolhi em casa poucas visitas a minha cadelinha(MINI QUE FOI UM PRESNTE DE JEOVÁ)meus dois filhos trabalhando e se revezando nos afazeres de casa e sempre que posso também dou minha contribuição(Lucas21.2)e aos poucos a pressão tem sido controlada uma alimentação balanceada para mim e as coisas vão caminhando bem enquanto isso dou testemunho nos consultórios laboratórios de análises levo as revistas de números antigos que sempre algum irmão deixava no balcão de publicação e algo me dizia leve um dia você pode precisar desse artigo para presentear alguém esse dia chegou que lugar podemos achar pessoas despostas a ouvir uma palavra de esperança já que você esta na mesma situação? A diferença é que eu estou com a esperança de vida eterna se algo der errado então estou tranquila pois sei que JEOVÁ CUMPRE TUDO O QUE DIZ(NUMEROS 23,19) AGRADEÇO AS SUAS ORAÇÕES CONTINUE POR FAVOR UM ABRAÇO DE SUA IRMÃ NA FÉ ELI BIRIGUI.

    ResponderExcluir

Como é bom compartilharmos nosso estudo pessoal.
Sinta-se a vontade para comentar.