quinta-feira, 28 de junho de 2012

[Deus] é benigno para com os ingratos e os iníquos. — Luc. 6:35.


Antes de aprender a verdade e viver de acordo com ela, nós éramos beneficiados pela bondade que Deus demonstra à humanidade em geral. (Mat. 5:45) Como seus adoradores, porém, nós nos beneficiamos de seu amor leal — sua inabalável benevolência. (Isa. 54:10) Somos muito gratos por isso. E é uma forte razão para sermos benevolentes no falar e nos demais aspectos do dia a dia. Uma ajuda inestimável para cultivar benevolência é o privilégio da oração. Isso porque o amor e a bondade — características da benevolência — são aspectos do fruto do espírito santo de Jeová. (Gál. 5:22) Podemos desenvolver a benevolência no coração por nos sujeitarmos à influência desse espírito. A maneira mais direta de receber espírito santo de Jeová é pedi-lo em oração. (Luc. 11:13) É apropriado sempre pedir o espírito de Deus e aceitar sua orientação.
 w10 15/8 3:9, 10


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como é bom compartilharmos nosso estudo pessoal.
Sinta-se a vontade para comentar.